19.6.09

redes inglórias


quantas foram as vezes que nos ligamos a outro ser, criando laços, entrelaçando, quando tudo o que o mesmo queria era desfazê-los? acho que lhes perdemos a conta.

8 comentários:

Carla Reis disse...

Agora puseste-me a pensar...
belo post!*

Filósofo de Merda disse...

eu apaixono-me frequentemente.


sim também acho que o humana disfruta da adrenalina causada pelo medo. é uma sensação espectacular.

DANiela disse...

É fodido amar na impossibilidade. Eu perco a conta é aos amores impossiveis que já tive... ás vezes que pus de parte os meus sonhos, para deixar que lutem pelos seus, pela sua felicidade... o resto são balelas.
Sim, eu sei que apenas com os 16 fresquinhos ainda são palavras imaturas para os teus olhos, mas o que é certo é que, por agora, fartei-me mesmo.

nhamii disse...

so many times...

é o jakob dylan, filho do bob dylan :b

Inês disse...

pois bem que podiam vir!
:O

andz disse...

está tão bonito :)

su iogurte disse...

Até parece irónico ...
Muito bom :)

Mafalda disse...

é a ironia da vida :) belo post!